Skip to main content

O que é inglês intermediário? Entenda os níveis de Inglês!

É muito comum que em anúncios de vagas de emprego, as empresas especifiquem o nível de conhecimento da língua inglesa exigido para aquela colocação. Então, alguns comunicados dizem: nível básico, nível intermediário ou nível avançado. Muitas pessoas, no entanto, não sabem dizer em qual deles se encaixam.

Então, se esse é o seu caso, ou simplesmente você tem curiosidade sobre o assunto, saiba que neste artigo vamos explicar o que é inglês intermediário. É nesse nível que muitas pessoas dizem estar, mas será mesmo? Confira a seguir:

O que é inglês intermediário

Antes de explicar o que é inglês intermediário é importante ressaltar que as diferenças entre os níveis confundem muito. Por isso aqui, vamos adotar o  que diz o Common European Framework of Reference for Languages (CEF).

Esse documento sugere uma subdivisão e dessa forma temos duas fases em cada um dos níveis: básico, intermediário e avançado. Então, no intermediário, por exemplo, temos a etapa B1 e a B2. Na primeira, a pessoa deve compreender assuntos importantes como estudos, trabalho e lazer e também discorrer sobre eles, inclusive dando opiniões.

Deve-se falar com naturalidade e saber lidar com situações corriqueiras de uma viagem ao exterior, por exemplo. Já na segunda fase do nível intermediário, a expectativa é maior. A pessoa precisa entender textos mais complexos, incluindo aspectos técnicos. O grau de fluência e espontaneidade também aumentam, assim como a capacidade de explicar um ponto de vista.

Qual a diferença entre inglês básico, intermediário e avançado?

Grosso modo, a diferença entre os níveis de compreensão do inglês está relacionada com a capacidade de entender e se expressar (ouvir, falar, ler e escrever).  Na primeira fase, dividida entre A1 e A2, é esperado que o estudante consiga entender expressões comuns, bem como passar informações básicas: nome, idade e profissão.

No A2, a ideia ainda é de que a pessoa tenha ampliado o seu vocabulário e saiba comunicar dados pessoais e dos familiares, fazer compras, descrever sua localização e seu trabalho. O intermediário, como explicamos na seção acima é dividido entre B1 e B2, etapas que exigem uma desenvoltura muito maior, em diversos aspectos.

Já no nível avançado, C1 e C2, a expectativa é de que a pessoa compreenda conteúdos mais complexos. Deve ser fluente e espontânea no âmbito social, acadêmico e profissional, como um nativo de inglês. Ao escrever, precisa apresentar ideias organizadas, bem estruturaras e com detalhes. Na última etapa ainda é esperado o entendimento de mensagens nas entrelinhas do que é dito ou então escrito.

Como adquirir o nível de Inglês Intermediário?

Para chegar em um nível intermediário do inglês – passo extremamente importante para quem deseja viajar, ou até mesmo trabalhar, estudar e morar no exterior – será necessário muito empenho nos estudos. Nesse sentido vale ingressar em um curso de idiomas que ofereça metodologia prática e eficiente para se comunicar com naturalidade.

Além do curso, é extremamente importante treinar a língua, se possível diariamente, com amigos, familiares ou grupos de estudos na internet. Outra dica valiosa é inserir o idioma no dia a dia, lendo um livro, ouvindo música e assistindo filmes e séries em inglês.

Mostramos aqui o que é inglês intermediário. Etapa em que se espera da pessoa um bom entendimento da língua e facilidade em se comunicar, no âmbito pessoal, profissional e acadêmico. É uma fase importante para quem pensa em morar fora do país. Portanto, vale investir em um curso de uma escola referenciada e assim chegar nesse estágio.

 

Agora que você já sabe o que é o nível intermediário,  faça um teste e descubra o seu nível atual de Inglês

 


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *